domingo, 9 de novembro de 2008

Novembro: escuta aqui, ô orelhuda!

Ouvir choradeiras e ficar com as orelhas mais quentes que as de Alexandre José, é o que o iBZ paga por defender fracotes, lombos-ardidos e manhosos. A Redação sabe disso: é orelhuda, paga e não deve.

Não deve para os acadêmicos de Marketing que se redimiram – depois da edição de junho – e se comportaram como mamãe gosta, fazendo um brechó filantrópico para arrecadar tutu às ONGs de Blumenau. O iBZ esteve lá e comprou uma calcinha rendada pela metade do preço.

Falando em intimidade, o jaleco azul-calcinha resolveu jogar a toalha nas quarta-feiras. Quem entrou no lugar foi uma camisetinha de campanha pelo vestibular. O problema é a cor tomate da camiseta que, confundido pela cantina com a fruta, já foi encontrada até dentro de misto-quente.

Quente está a goela de cada aluno motoqueiro. Em busca de uma garagem – nem que seja uma caixa de alpargata, afinal, Biz dá para desmontar – eles estão fulos com o cubículo reservado às mobiletes. Sem espaço para estacionar, elas são derrubadas pelos carros e o iBZ libera espaço para fazer do rolo a capa de novembro.

Garanta seu cantinho livre, estacione a magrela – pois motoqueiro também é gente – e confira os arranca-tocos deste mês.

-----

3 comentários:

Paulinho disse...

Edição espetacular...
Rindo mais que banguela sem dente (massa né)
Imagina um dia algum louco envoca de derrubar a primeira moto da fila, o efeito dominó... heheh pacabá.
Mas nem o iBZ perduou a menina e tirou uma lasquinha.. heuheuehueheuheuhhuehe.

e sobre pstrocinador do iBZ concordo em ter o tio Chicote e também não esquecendo que temos muambeiros de plantão dentro da faculdade... não seria interessante?? hehehe
Edição nota 10...
e viva mais apagões no Ibes

Christian Machado disse...

O uniforme reserva do time dos borracheiros, essa é uma pérola.
Edição sensacional (puxa-saco, só porque ele aparece).

Bruna e Luana disse...

o Blog que nunca para..